Buscar

Web 3.0

Atualizado: 24 de mai.

O que é, mudanças e benefícios. Tudo sobre Web 3.0 você encontra nesse post a seguir, confira!


Você pode nunca ter ouvido falar sobre web 3.0, mas certamente não imagina sua vida atualmente sem internet.

Chega a ser difícil imaginar os dias atuais sem internet e tudo o que ela oferece, não é?

Praticamente todas as perguntas são respondidas por alguém com uma simples pesquisa online.

Milhões de pessoas dedicam seu tempo a criar conteúdo dos mais diversos gêneros na internet.

Desta forma, hoje em dia a internet é um meio de buscar conhecimento e entretenimento, além de armazenar e compartilhar dados.

Mas você sabe o que é web 3.0?

Se a resposta for não, ao longo deste artigo vamos falar um pouco mais sobre o assunto e entender mais sobre ele.

O que é web 3.0?


Desde a sua criação, há 30 anos, a web vem se desenvolvendo de acordo com o que os usuários esperam e com os acontecimentos em nossa volta.

Se atualmente a web 3.0 é o foco de usuários e empresas, lá em 1991, a web era a 1.0, a primeira geração da internet.

Apesar de ser extremamente inovadora para a época, pois permitia o acesso à informação de forma mais democrática, na web 1.0 não era possível que qualquer pessoa criasse e disseminasse conteúdo.

A criação e distribuição de conteúdo, ficava a cargo dos grandes portais de notícia, até mesmo comentar não era possível.

De maneira resumida, o começo da web era focado em poucos criadores e pouca interação com o público.

Quando falamos na próxima era, a web 2.0, que veio após alguns anos, chegamos a um ponto onde mais pessoas podiam criar conteúdo e distribuí-los de forma democrática e online.

A web 2.0, pode ser nomeada como uma das mais conhecidas por várias gerações.

Foi através dela que a facilidade em criação de conteúdos por meio de redes sociais se espalhou.

Na web 2.0 houve o boom dos blogs, Youtube e outras redes sociais, o que possibilitou ainda mais a democratização da informação e de sua criação.

Neste modelo de criação, sites e portais que não davam espaço para interação foram ficando obsoletos.

Com a web 2.0, os sites de busca também se tornaram populares.

Afinal, com tanta informação disponível, as pessoas precisavam de meios para acessá-las apenas com um clique.

Agora que você já sabe o que marcou cada era da internet, podemos focar na web 3.0.

Os especialistas no assunto, definem a web 3.0 como o início de um novo tempo na internet.

O principal diferencial da web 3.0, também chamada de web semântica, é que ela une as melhores características de suas antecessoras e acrescenta a inteligência artificial como aspecto de inovação.

Sendo assim, é possível dizer que, a revolução da web 3.0 foca na união do trabalho entre homens e máquinas.

As principais características que fazem da internet um local tão atrativo são: interatividade e customização. Sua empresa está realmente preparada para isso?

Na web 3.0 isso fica ainda mais evidente, visto que através da inteligência artificial é possível não só buscar ou armazenar informações online, como também interpretá-las.

Com tantas informações armazenadas e disponíveis, é normal que os internautas se preocupem com a segurança de seus dados, e com a nova internet esta preocupação tem solução.

O uso de informações criptografadas auxilia os usuários a terem mais controle sobre o que desejam ou não compartilhar.

Web 3.0 e as mudanças que vem por aí


Conforme o internauta foi evoluindo e entendendo um pouco mais sobre o mundo virtual, a web foi se moldando a esta evolução e se adequando as novas exigências.

Podemos dizer que, a web 3.0 é o espelho desta adequação.

Uma das principais mudanças relacionadas a web 3.0, está relacionada a descentralização da informação.

O que significa que, os usuários serão responsáveis por seus dados.

O Blockchain

Um fator extremamente relevante para a descentralização da informação, é o blockchain.

No blockchain, existe criptografia, o que dificulta a alteração das informações sem a permissão do usuário.

Mas o que é blockchain?


É basicamente um livro-razão que é compartilhado. Através dele é possível de forma imutável realizar o registro das transações de uma empresa e ainda fazer o rastreamento dos ativos.

O blockchain é importante para as corporações porque garante informações precisas e em curto espaço de tempo.

Todos os envolvidos conseguem acompanhar os detalhes da transação e isso garante melhor confiança, transparência e oportunidades.

Todos os ativos podem ser negociados através do blockchain e o principal benefício é a redução de custos e riscos para os envolvidos.

Assim, a cada novo dado que surge, é necessário que uma parte dos internautas o valide para que ele se torne reconhecido.

Este é o esquema que faz com que as criptomoedas sejam tão seguras, além de descentralizadas.

Este dinheiro virtual, não precisa da interferência de bancos e governos para circular, pois o blockchain faz com que as transações sejam intransferíveis e rastreáveis.

Blockchain é uma tecnologia de validação dos dados, criada para garantir a segurança das transações com criptoativos.

O blockchain se mostra importante tanto para a segurança de informações financeiras quanto para setores considerados mais concretos.

Ou seja, aquelas empresas que atuam fora do ambiente virtual.

A internet se provou tão importante atualmente que já existem leis para proteger os dados dos usuários.

A Lei Geral de Proteção de Dados é um marco para os usuários e seus dados, por conta dela as informações dos internautas devem ser protegidas pelas empresas que as detém.

Sendo assim o compartilhamento de dados pessoais sem autorização, se torna crime.

Se através desta lei que está em vigor no Brasil desde o ano passado, os internautas passam a ter mais segurança, com a web 3.0, isso já é uma realidade.

Isso porque, com a nova web não há mais necessidade de intermediários para customizar informações.

Como dito acima, os usuários podem fazer isso.

Explicando melhor, a web 3.0 possibilita que os próprios usuários protejam seus dados e tenham mais liberdade para “fugir” de incômodos causados por ligações insistentes de empresas, por exemplo.

Ou seja, você é dono de suas informações e não empresas que muitas vezes, você não sabe quais são.


Benefícios da web 3.0

  • Interpretação da informação: através da busca semântica oferecida pela web 3.0, é possível que os buscadores façam uma melhor interpretação das buscas e entreguem o conteúdo que mais tenha conexão com o usuário.

Os criadores de conteúdo, principalmente conteúdos de marketing e otimizados para SEO, tiram proveito desta função, assim é possível produzir o que sua persona precisa.

Porém, atualmente já existem maneiras de que as respostas para as buscas já venham pronta.

Isso porque, alguns mecanismos já entregam uma resposta pronta para a busca realizada, de acordo com o que a web entender como resposta certa para a questão procurada.

  • Assistentes de voz: quando falamos sobre inteligência artificial e web 3.0, não temos como não citar as assistentes de voz que tem ganhado cada vez mais popularidade.

Quem hoje em dia não se pega falando para o celular ou para a caixinha no canto da sala “Alexa, qual a previsão do tempo para hoje? ” ou “Ok Google, conte-me uma piada”.

Hoje em dia, as assistentes fazem parte do cotidiano dos usuários, o que torna a experiência com a web 3.0 muito mais atrativa e dinâmica.

  • Criptomoedas: nos últimos anos, cada vez mais pessoas têm buscado conhecimento à cerca dos bitcoins e demais criptomoedas, que ficam em carteiras digitais.

Através destas carteiras, é possível controlar as transações realizadas com as moedas virtuais, saber de onde saíram e para onde vão etc.

Conclusão

A evolução da internet e seu modo de uso foi se transformando no decorrer das décadas.

Apesar de ter sido revolucionária quando surgiu na década de 1990, as atualizações e a maneira como os internautas puderam fazer parte da criação de conteúdo e da evolução da web, se mostra muito significativa.

Com a web 3.0, o internauta passou a ter mais segurança e liberdade quando se trata de proteção de dados e transações usando criptomoedas.

Além disso, com o avanço da tecnologia, métodos e leis surgiram com o intuito de proteger os usuários.

Desta forma, em muitas operações, não é necessária a interferência de terceiros como, instituições bancárias ou governos.

Como podemos perceber, a web não parou de se moldar desde a sua criação, visando atender as necessidades do mundo em geral, mas também dos internautas.

A bola da vez é a web 3.0 que traz muito mais liberdade e segurança aos usuários, mas não deixa de ser benéfica para as empresas.


Sobre a The MKT Guys


A Agência The MKT Guys atua desde 2006 com estratégias de marketing digital e desenvolvimento web para empresas de diversos setores e tamanhos.

Com um time multidisciplinar experiente, posicionamos empresas no ambiente digital com o objetivo de torna-las referência em seu segmento.

Através de estratégias de Marketing integradas na web, captamos leads e geramos demanda comercial para seu time.

Se você quiser saber mais sobre este assunto ou qualquer um dos nossos serviços que podem ajudar a sua companhia a se posicionar corretamente e deixar o seu concorrente para trás em 2022, fale com um de nossos consultores.

Aqui no nosso Blog também temos diversos conteúdos ricos de variados assuntos e cases de sucesso para conhecer mais sobre o nosso trabalho.

Vem pra The MKT Guys!